Perfil do consumidor de e-commerce no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná

Comprase marketing digital - comércio eletrônico em Santa Catarina

O objetivo do presente trabalho foi analisar o perfil do consumidor de e-commerce na região sul do Brasil, nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

Foram utilizados questionários on-line a respeito dos hábitos de compra dos clientes. Observou-se que as compras realizadas pelos consumidores foram baseadas primeiramente no preço, os clientes buscavam por valores mais atrativos e geralmente o e-commerce apresenta preço inferiores aos das lojas físicas. Neste sentido, as influências tornaram-se decisivas no momento da efetivação da compra.

Tanto os fatores de preço, quanto frete grátis e a diversidade dos produtos foi o determinante mais importante no processo de compra. O presente artigo possui características específicas voltadas para mercado, mas também é um requisito acadêmico para conclusão do curso de Pós-graduação em Marketing Digital e Comércio Eletrônico.

Palavras-chave: E-commerce. Clientes. Compras.

Abstract: The objective of the present study was the profile of the e-commerce consumer in the southern region of Brazil, in the states of Rio Grande do Sul, Santa Catarina and Paraná. Are used online questionnaires about customers’ shopping habits. It was observed that the purchases made by consumers were primarily based on price, customers were looking for more attractive values and e-commerce is generally priced lower than in physical stores. In this sense, the influences became decisive at the moment of the purchase. Both price factors, free shipping and product diversity was the most important determinant in the purchasing process. This article has specific market-oriented characteristics, but is also an academic requirement for completing the Undergraduate course in E-Commerce and Digital Marketing.

Keywords: E-commerce. Clients. Purchases.

Análise das compras on-line nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná

A transformação digital do mercado passa pela cultura, tanto das pessoas, que vão se acostumando aos poucos com as novas possibilidades, quanto das empresas, que precisam mudar seus processos e organizações internas. Com o passar dos tempos, muitas coisas mudaram e a internet, por sua vez, transformou o mundo de um modo geral, até mesmo a forma de comprar. Hoje, é natural que o consumidor busque informações sobre um produto ou até mesmo serviços antes da compra. Devido a esta mudança de hábito dos clientes, a internet tornou-se um meio essencial para o setor de vendas de diversas empresas, tanto que muitas delas deixaram o espaço físico pelas lojas virtuais.

O e-commerce é uma ferramenta essencial para toda organização que deseja realizar negócios além das fronteiras, pois pessoas de qualquer parte do mundo podem ter acesso aos mesmos produtos, sejam eles regionais, nacionais ou importados. O cliente que utiliza uma plataforma de e-commerce para realizar suas compras, além da comodidade tem, também, na maioria das vezes, preços mais acessíveis, produtos mais variados e diferenciados dos que são encontrados nas lojas físicas, e o melhor, as lojas funcionam 24 horas e 365 dias por ano.

A introdução de novas modalidades de transações comerciais no mercado surgiu com a era digital, reformulando o conceito da atividade econômica. Trata-se da evolução do varejo tradicional com as operações sendo realizadas no âmbito eletrônico. O comércio online está evoluindo e muitas empresas estão investindo nesta nova modalidade de varejo, proporcionando economia financeira e comodidade aos consumidores que utilizam a internet para pesquisar e adquirir bens e serviços.

O comércio eletrônico é a realidade de diversos setores da economia e representa o novo modelo para o comércio mundial. Neste contexto, as empresas que investem ou pretendem investir no comércio eletrônico, precisam criar um vínculo maior com seus clientes e buscar sempre um diferencial competitivo que as destaque no mercado concorrente, aumentando suas vendas e seus lucros.

No entanto, independente da forma que a organização se apresenta aos consumidores, é essencial que busque compreender quais são suas necessidades. Desta forma, é preciso identificar quais os requisitos exigidos pelos clientes, referente ao produto e suas características, ou a qualidade do serviço de venda, atendimento, entrega, entre outros fatores que podem influenciar na satisfação do consumidor.

Os termos satisfação e qualidade em serviço geralmente são confundidos, pois apesar de terem algumas coisas em comum, a satisfação é vista geralmente como um conceito mais amplo, ao passo que a determinação da qualidade em serviço se concentra especialmente nas dimensões do serviço. Então, a qualidade percebida em serviço é um componente de satisfação do cliente. Neste contexto, identificar o nível de satisfação dos consumidores em relação aos fatores de desempenho do e-commerce é fundamental para o sucesso das organizações que investem no ambiente eletrônico.

Em estudo sobre o comércio eletrônico brasileiro realizado pela Ebit, 60% das compras realizadas nos e-commerces são feitas na região sudeste do país. O Sul fica em segundo lugar, com 16%, seguido do Nordeste, com 12,5%. (MAZETO, 2018).

Mapa e grafico de faturamento de compras on-line por região no Brasil
Fonte E-commerce Brasil

No caso do centro-oeste, é interessante perceber que, no último ano, houve um aumento de 6,3% para 8,5%, assim como o norte, que foi de 2,7% para 3%. Além disso, 50,1% dos consumidores eram identificados como mulheres, enquanto 49,9% eram homens (MAZETO, 2018).

O presente trabalho visa conhecer melhor o perfil do consumidor do e-commerce da região Sul do Brasil, nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, além dos fatores que influenciam na hora da compra.

Com este objetivo, aplicou-se um questionário, por meio do aplicativo de WhatsApp, para aproximadamente 35 pessoas. Nesta pesquisa constavam 8 perguntas.


METODOLOGIA DA PESQUISA SOBRE COMPRAS ON-LINE NA REGIÃO SUL DO BRASIL

Foi criado um questionário (Apêndice A) no site SurveyMonkey, contendo 8 perguntas sendo 3 delas qualitativas e as outras 5 quantitativas. O mesmo foi enviado por e-mail para cerca de 100 pessoas residentes da região Sul do país para que fosse possível conhecer o perfil do consumidor de e-commerce. Como resultado, obtivemos respostas de 35 pessoas.

ANÁLISE DOS DADOS SOBRE E-COMMERCE NOS ESTADOS DO RIO GRANDE DO SUL, SANTA CATARINA E PARANÁ

O questionário referente ao perfil do consumidor de e-commerce verificou a frequência de compras online, resultados dos 35 clientes. Após aplicar os critérios de inclusão, a amostra correspondeu a 35 respondentes na pesquisa; destes, 25 (73,53%) eram do gênero feminino e 9 (26,47%) do masculino. Estes clientes apresentavam idade entre 35 a 50 anos A maioria dos clientes 30 (95%) são graduados. Foi constatado que 12 (34,29%) clientes realizam compras uma vez ao mês, 15 (42,86%) efetuam compras a cada 6 meses, 6 (17,14%) 1 vez por ano apenas 2 (5,71%) não compram online.

Além disso, 80 % dos entrevistados (n= 28) julga mais importante o preço na hora da compra. O fato que chamou a atenção foi que apenas 40% acham o selo de segurança relevantes. que as pessoas estão comprando cada vez mais pelas lojas online, foi baixo, quase nulo o número de clientes que não realizam compras na internet.

Frequência de compras on-line

Gráfico de frequência de compras on-line na região sul do Brasil

 

Fatores que influenciam as compras on-line

Verificou-se também quais os fatores mais importantes que influenciavam as compras on-line.

Gráfico de fatores que influenciam as compras on-line na região sul do Brasil

Observou-se 14 respostas em relação ao selo de segurança. Constatou-se que o preço é o fator que mais levam em consideração para efetuarem a compra online.

Um dos fatores mais importantes com a vinda da internet foi a segurança. Na hora de colocar os dados do cartão de crédito, foi um dado que chamou muita atenção nesta pesquisa. O fator de ter frete gratuito é um fator bem relevante também para que efetuem as compras, hoje em dia o frete está muito caro e muitas vezes ultrapassa o valor de algum produto.

COMO O AUMENTO DAS COMPRAS ONLINE IMPACTA O MERCADO DE SHOPPING CENTERS
DICAS DE COMO PRODUZIR CONTEÚDO COM CONTEXTO NAS REDES SOCIAIS

Devido à incerteza da qualidade e tamanho do produto, a flexibilidade para troca também é um fator que contribui na hora da compra. A diversidade de produto é sem dúvida um fator bem relevante e que atrai muitos clientes de e-commerce, no site os produtos têm mais variedades e modelos por não ser necessário muitas vezes ter estoque.

(…)


Para continuar lendo, baixe o artigo na íntegra – PERFIL DO CONSUMIDOR DE E-COMMERCE DA REGIÃO DO SUL DO BRASIL, NOS ESTADOS DO RIO GRANDE DO SUL, SANTA CATARINA E PARANÁ de Kelen Cardoso Rodrigues Martins para a pós-graduação em Marketing Digital e Comércio Eletrônico da UnisulVirtual, sob orientação de Luciana Manfroi.


 

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s